Fotografia imobiliária: atraia mais clientes com boas fotos

Os clientes do ramo imobiliário mudaram seus comportamentos na busca por um novo lar, seja para comprar ou alugar. Eles estão mais exigentes e a grande maioria utiliza a internet para ter os primeiros contatos com o sonhado imóvel. E como diz o ditado “uma imagem fala mais que mil palavras”, as fotos precisam estar boas para que chame atenção dessas pessoas e que elas sintam vontade de visitar esse imóvel.

Por outro lado, tirar boas fotos hoje não é de grande dificuldade, a maioria dos celulares atuais possuem fotos de alta resolução que ajudam os corretores (ou a pessoa responsável pelas fotos dos imóveis em sua imobiliária) a melhorar a fotografia imobiliária. Com algumas dicas é possível que as imagens fiquem parecidas com fotógrafos profissionais.

Se você deseja atrair mais clientes para seu negócio, veja as dicas que daremos hoje para melhorar a sua fotografia imobiliária.

Tenha um bom aparelho

Primeiro de tudo é necessário ter um aparelho que consiga produzir uma boa resolução de imagem. Pode ser um celular, câmeras digitais ou semi profissionais (que atualmente são de fácil acesso no mercado).

A resolução de uma imagem significa a quantidade de pixels existente em uma polegada quadrada da imagem, ou seja, quanto mais pixel sua imagem tiver, mais riquezas de detalhes você vai conseguir transmitir para seu cliente. A imagem fica mais “completa” e também mais bonita.

Uma dica que deixamos aqui é que a imobiliária, dependendo de seu tamanho, pode comprar uma câmera e deixar de stand by para quando um corretor precisar usar para fotografar um imóvel. Dessa forma todas as imagens do seu site terão a mesma qualidade em relação à resolução.

O celular pode ser um aliado

Mesmo que a imobiliária não tenha disponibilizado uma câmera para os corretores, todos eles ainda possuem seus celulares. Atualmente são poucos os celulares que não oferecem boa resolução de imagem. A grande maioria dos aparelhos atuais possuem o HDR que auxilia em uma maior qualidade de imagem.

O HDR consiste em tirar de 3 fotos de uma só vez, alternando o tempo de exposição do obturador da câmera, ou seja, algumas fotos saem escuras e outras mais claras. Ele reúne todas as fotos capturadas em uma só, trazendo ricos detalhes em uma única foto, fato que não é possível em uma foto normal. Dessa forma o brilho de uma imagem e o contraste de outra resulta em uma imagem mais viva e harmônica.

Nos dispositivos da Samsung mais recentes, a função HDR é conhecida como “Tom Rico (HDR)” e se encontra no modo menu; já no LG, ela se chama “Tom Dinâmico”. Nos smartphones HTC mais modernos, a opção está disponível na lista de “Modo de Captura de Foto”, enquanto os iPhones  possuem um botão HDR que aparece durante as sessões de foto. Assim, basta um toque para ativar ou desativar o modo de alcance dinâmico.

Acessórios que valorizam a imagem

Continuando na ideia de usar o próprio celular para tirar fotos dos imóveis, encontramos alguns acessórios que podem valorizar essas imagens, como deixar a câmera com a lente mais aberta e conseguir pegar um ambiente maior.

A dica aqui é usar uma lente grande angular, ela aumenta o espaço que a câmera do celular consegue capturar. É um investimento pequeno, encontra-se por R$ 30 à R$ 100 e que faz toda a diferença para fotos de imóveis. Consiste em um clipe que encaixa no celular, podendo tirar e colocar no momento que preferir.

Sabe as temidas fotos de banheiro e lavanderia de apartamento que sempre ficam cortadas e não conseguem mostrar tudo o que o cômodo oferece? É aqui que o celular com a lente mostrará uma grande diferença. Em áreas comuns, como sauna, por exemplo, também ajudaria ter essa lente.

Ambiente arrumado transmite limpeza

Além das características técnicas, é importante ressaltar que fotos com cômodos organizados passam uma impressão de ambiente mais limpo, além de deixá-los parecendo alguns metros maiores.

Esse assunto é um pouco delicado, por que às vezes a pessoa que está no imóvel para fotografar fica inseguro em pedir para que o dono da casa de “uma ajeitada” no ambiente. É importante que na hora de agendar o dia de tirar as fotos, seja especificado ao cliente que é necessário o imóvel estar organizado para ter uma foto mais comercial.

Outra dica importante é de retirar objetos muito pessoais, para tornar a casa mais amigável para quem estiver olhando as fotos. Por exemplo, uma sala que possui quadros grandes da família, além de expor essas pessoas, torna o ambiente muito pessoal e o futuro locatário ou proprietário pode acabar bloqueando a visão de uma nova vida no local.

Invista na técnica Home Staging

A técnica home staging  consiste em produzir um imóvel que está à venda para deixá-lo mais atraente ao cliente, fazendo com que, ao visitar o espaço, ele enxergue não só uma estrutura, mas um estilo de vida.

Pode ser aplicada de algumas formas, e uma delas é o profissional do “stager” (que pode ser um corretor com esses conhecimentos) contratar algum fornecedor de móveis para organizar o imóvel e quando a casa é vendida, os móveis são devolvidos. Pode se também entrar em acordo para que o cliente além do imóvel, leve os móveis, embutindo o valor deles na venda final. 

O interessante é aproveitar essa técnica não só para visitas, como explicamos no artigo sobre o home staging, mas sim tirar fotos para que tenha tudo registrado para futuros clientes.

Tirar boas fotos não é tão difícil quanto muitos pensam e pode trazer muitos clientes interessados para sua imobiliária, através do seu site ou de portais imobiliários. Com alguns treinos é possível fazer belas fotos e as dicas que mostramos hoje são formas simples, mas efetivas de fazer imagens bonitas e harmônicas.

Se você tiver mais alguma dica, deixe nos comentários para sabermos. Se desejar receber conteúdos como esse não deixe de assinar nossa newsletter.

 

Recent Posts

Leave a Comment