Como otimizar a gestão financeira em tempos de crise

No post de hoje vamos mostrar como otimizar a gestão financeira da sua empresa em tempos de crise. Primeiro, você conhece a rentabilidade do seu negócio? Você sabe se a sua empresa está dando lucro ou prejuízo? Como anda o fluxo de caixa? Quais são os produtos e serviços mais rentáveis? Quais são as suas taxas de inadimplência?

Uma gestão financeira eficaz produz dados seguros, confiáveis e em tempo real. Informações com qualidade auxiliam na tomada de decisões operacionais e estratégias mais assertivas, assim os resultados positivos são logo percebidos. Em tempos de cise econômica pequenos detalhes devem ser considerados, ou todo o fluxo pode se perder.

Quer otimizar ao máximo suas finanças? Então veja as cinco dicas que preparamos para você e saiba como garantir uma gestão eficaz do seu negócio!

SEPARE AS FINANÇAS PESSOAIS DAS PROFISSIONAIS

De um lado, compras no supermercado, despesas com médico e dentista, escola dos filhos e gastos com roupas; Do outro, folha de pagamento dos empregados, aquisição de materiais para escritório e investimento em estoque.

Suas finanças pessoais e profissionais fazem parte do mesmo “pacote”, afinal, você é o dono da empresa. Mas separá-las é imprescindível para manter o fluxo financeiro organizado. Esse processo exige disciplina e comprometimento, principalmente em tempos de crise. Contudo, existem ferramentas simples que podem auxiliar no processo.

Existem diversos sites gratuitos que são excelentes para organizar fluxos de pagamento, separe uma aba na ferramenta para contas pessoais e outra para pagamentos da empresa. Crie delimitações com os meses do ano e a finalidade do pagamento. Não adianta saber quanto vai gastar naquele mês sem saber em quê está gastando exatamente.

Contas bancárias separadas, pró-labore fixo e acompanhamento constante do fluxo de caixa também otimizam a gestão financeira.

 

REDUZA OS CUSTOS

Todas as áreas de uma empresa demandam investimento. Algumas áreas custam mais caro, outras nem tanto. Você pode diminuir os custos com pessoas, logística, material de escritório, aluguel e contas de água, luz e telefone, basta estudar o que não carece de tanto dinheiro assim.

Conversar com a equipe sobre os cortes é fundamental, busque esclarecer o por que da medida e literalmente peça ajuda. Em momentos de instabilidade financeira campanhas internas podem ser desenvolvidas, por exemplo, se em determinado mês o consumo de papel e materiais de escritório diminuir, todos os funcionários vão ganhar um bloco de notas de papel reciclado. Ou ainda, diminuindo o consumo de água e energia, será realizado o sorteio de dois convites para uma sessão de cinema. Reconheça o esforço de seus funcionários, afinal eles ajudam a manter sua empresa funcionando.

Cortar custos significa priorizar aquilo que realmente é importante e ser mais eficiente. Firmar novas parcerias, terceirizar serviços, investir em capacitação e simplificar processos podem diminuir os gastos e auxiliar  na gestão financeira do seu negócio. Aplicativos como o da Next One podem te ajudar com isso!

CONTROLE O FLUXO DO CAIXA

O fluxo de caixa mostra a saúde financeira da sua empresa. Movimentações de entrada, saída e saldo disponível – diferença entre recebimentos e pagamentos – são informações importantes para as tomadas de decisão.

O controle do fluxo de caixa exige organização e disciplina. O fluxo de caixa deve ser atualizado de forma constante e contínua. Você pode utilizar os mesmos sites gratuitos citados anteriormente para registrar as entradas e saídas da sua empresa, bem como investir em um sistema automatizado. Agilidade, praticidade, informações mais confiáveis e relatórios são algumas das vantagens dessa segunda alternativa.

Em nosso blog temos outras dicas sobre como melhorar o fluxo de caixa.

GARANTE MAIOR SEGURANÇA PARA OS DADOS

Atualmente, grande parte dos softwares de gestão imobiliária é hospedada na nuvem. Isso reduz os preços de implementação e manutenção do sistema, já que não é necessária a instalação de programas e nem a compra de servidores físicos para armazenar os arquivos.

Por serem baseados na nuvem, eles garantem mais segurança para as informações e documentos da imobiliária. Os backups são diários e não há risco de perda dos dados por qualquer problema de ordem física, como incêndios, por exemplo.

 

gestão financeira

FAÇA UM PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

O planejamento estratégico define o rumo da sua empresa. Para otimizar a gestão financeira, é preciso planejar, executar, acompanhar, avaliar e ajustar estratégias.

É fundamental compreender qual a relevância do negócio para o mercado e quais são suas áreas inexploradas, em momentos de crise econômica, todas a as brechas devem ser estudas. O mesmo vale para os processos internos da empresa: procure otimizá-los e simplificá-los. Lembre-se de que estratégias e finanças devem estar alinhadas para que as metas da organização sejam atingidas.

INVISTA EM SOLUÇÕES AUTOMATIZADAS

Se você utiliza controles manuais e planilhas para fazer a gestão financeira do seu negócio, você bem sabe que o tempo gasto com digitações, conferências e retrabalho pode impactar na qualidade e na produtividade da sua equipe. Além disso, o volume crescente de informações dificulta as tomadas de decisão.

Investir em uma solução automatizada é uma boa saída. A integração das informações acontece de forma automática e em tempo real. Você perde menos tempo com questões operacionais, decisões e assuntos estratégicos são priorizados e seus esforços são direcionados para aumentar a lucratividade e a competitividade da sua empresa no mercado.

FIQUE DE OLHO NO DESEMPENHO DA GESTÃO FINANCEIRA

A lucratividade — ganho obtido com as vendas realizadas — é um indicador de desempenho importante. É fundamental que você saiba os lucros ou prejuízos da sua empresa para que ações estratégicas e operacionais possam ser aplicadas com mais eficácia.

É necessário entender que lucratividade é diferente de rentabilidade, a segunda é analisada sobre o investimento do negócio. A lucratividade nos diz se as vendas estão cobrindo os gastos da empresa, com esse dado fica fácil perceber falhas no processo. Em tempos de crise, todos os parâmetros devem ser considerados para a gestão ficar completa e eficiente.

Aumentar o desempenho da sua empresa é imprescindível para a continuidade e o crescimento dos seus negócios, e a área financeira, como vimos, possui papel decisivo neste processo. Estar atento as necessidades internas da empresa reflete diretamente no desempenho do seu negócio durante períodos de instabilidade econômica do mercado.

E então? Pronto para fazer as finanças renderem mais? Deixe seu comentário e enriqueça  nosso blog com suas experiências!

Recommended Posts
Comments
  • Carlos
    Responder

    Muito bom o post! Realmente importante ter essas informações, principalmente em tempos como esses!

Leave a Comment